A IMPORTÂNCIA DO MARKETING PESSOAL NAS MÍDIAS SOCIAIS – ÚLTIMA PARTE

Dando continuidade esta é a última parte da matéria que  foi elaborada pelo Fabiano Garcia, organizador do Bike Sul de Freestyle da Cidade de Portão – RS.  Falando sobre a importância do marketing pessoal para atletas. tire algumas dúvidas sobre marketing e sobre oque as marcas procuram em um atleta, e se você não acompanhou a primeira parte desta matéria, dá uma conferida porque ela é bem importante para entender esta última parte.

O QUE DIZEM OS ESPECIALISTAS?

O planejamento de todas as ações de um atleta fora das competições precisa ser analisado por um profissional competente. A imagem de um atleta pode ser destruída com um deslize, mesmo que o problema seja pessoal e não envolva seu desempenho. Um exemplo claro foi a polêmica envolvido com o nadador norte-americano Ryan Lochte, onde a empresa Speed, fornecedora de material, esportivo rompeu seu contrato milionário com o nadador após o alegar vítima de suposto assalto durante os Jogos Olímpicos no Brasil. Esse é um dos motivos pelos quais um atleta profissional precisa ter sua carreira muito bem administrada, a partir de estratégias bem traçadas e acompanhadas, para que ele seja bem visto pelo torcedor. Há que se preocupar também com a exposição na mídia.

Um dos trabalhos que as agências de marketing esportivo fazem é transformar o atleta em PRODUTO, conseguir auxiliá-los na obtenção de patrocínios, participação em eventos e em palestras. Conversamos com o Felipe Sarno, diretor da MVP Sports, agência de Comunicação, Eventos e Marketing Esportivo. A agência está entre as principais do Brasil, e trabalha com atletas de alto desempenho, atletas olímpicos e de MMA. Nos Jogos Olímpicos RIO 2016, foi a agência com maior número de atletas presente no evento. Entres os atletas que são e que já passaram pela MVP Sports estão: Fabiane Murer (atletismo), Mayra Aguiar (judô), Tiago Camilo (judô), Marcos Pezão (MMA), Clodoaldo Silva (natação paraolímpica) e entre outros.

1

Segundo Felipe, “todos os clientes nos procuram com o mesmo desejo, o de conseguir um patrocínio. Esse também é o nosso desejo, pois são desses patrocínios que entram as maiores receitas para os clientes e consequentemente para a MVP. Porém sempre que converso com o atleta, explico tudo o que as marcas desejam e que antes de sairmos buscando patrocínio, precisamos transformá-lo em um PRODUTO, então basicamente, é isso que a MVP faz, transformamos o esporte em negócios e atletas, equipes e confederações em produtos. Quando se diz PRODUTO, estamos nos referindo a todos os aspectos que atraem empresas e consequentemente patrocínios, ou seja, onde essas empresas terão exposição de marca, onde e como poderão realizar ações, quais serão as contrapartidas do atleta”, diz Sarno.

“Há várias ferramentas para transformar o atleta em um produto. A MVP começa com os trabalhos de comunicação e assessoria de imprensa, atualizando e gerando conteúdo para as redes sociais e para o site oficial do atleta, enviamos releases e trabalhamos para expor o atleta na mídia. O atleta, por sua vez, precisa conquistar bons resultados e disputar bons campeonatos, se comportar e não entrar em discussões públicas com fãs e tudo isso faz com que o interesse de marcas e empresas aumente, tudo é um ciclo.”

De acordo com Felipe Sarno, o trabalho da MVP, além de ser um diferencial para a captação, também é uma diferencial para a manutenção de patrocinadores e apoiadores, pois trabalhamos na divulgação dos atletas e consequentemente das marcas. “Na nossa opinião, os atletas das modalidades menos populares, podem se tornar um grande produto do esporte brasileiro, mas é preciso ter paciência e investimento para que isso aconteça”, conta Felipe.

FUTURO

Em meio a tantas novidades nos últimos tempos para o BMX Freestyle, como  o reconhecimento do BMX Freestyle pela UCI, a entrada do BMX Freestyle Park no programa dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, Jogos Mundiais da Juventude 2018 e grandes eventos como BMX Super Spine Tour, a tendência é que grandes marcas passem a ver o BMX como nova opção para campanhas de marketing, seja através de comerciais, patrocínio de atletas ou patrocinando competições. Vale ressaltar que o sucesso profissional depende, em grande parte, da atuação do atleta durante a competição esportiva. Só que, cada vez mais, fica evidente como outras ações podem ser benéficas, e devemos aproveitar as ferramentas que estão disponíveis a nosso favor.

2

4 Principais Erros

  1. Erro de português não é legal, evite também uso excessivo de gírias e abreviações;

  2. Evite fotos impróprios ou em atitudes ilícitas;

  3. As redes sociais não são lugares para discussões com fãs ou reclamações sobre algum evento;

  4. Evite publicações sobre fanatismo de política, futebol ou religião. Afinal de contas, por mais que seu público alvo (seja ele empresário) tenha a mesma paixão que você, ninguém gosta de fanatismos.

7 Dicas Importantes

  1. A sua imagem nas redes sociais é de fundamental importância para o marketing pessoal, tanto quanto ou mais que pessoalmente. Procure atualizar a sua foto de perfil, pelo menos, a cada 03 meses. Assim, além de mostrar que você é ativo e se preocupa com a imagem, também fará que as pessoas comentem e curtam o post (aumentando o engajamento do público geral);

  2. Crie uma rotina semanal de postagem, intercalando entre as suas mídias sociais, não crie um perfil “apenas para dizer que tem”;

  3. Portanto, procure sempre publicar algum conteúdo, mas conteúdo relevante, conteúdo que realmente interessa ao seu público-alvo e, principalmente, que tenha haver com a sua vida profissional (afinal, é um perfil profissional).  Mas, é importante tomar cuidado, pois não adianta também publicar apenas coisas como “Bom dia/Tarde/Noite” ou pior “Vou no banheiro, vou dormir, etc.

  4. Twitter – Siga a pessoas que trabalham no seu setor, retweet eles e responda seus artigos e conteúdo. É uma ótima maneira de fazer conexões e ser notado;

  5. Youtube – Faça conteúdo compartilhando momentos de seus treinos, rotina e competições;

  6. Facebook – Mesmo não fazendo parte de seus contatos, as pessoas podem ver suas fotos, as que você curta e comenta;

  7. Instagram – Procure através das hashtags (#) por publicações relacionada a sua área profissional, curta e comenta para ser notado e também seguido.

Caso alguém tenha interesses em saber mais sobre marketing pessoal ou tenha alguma dúvida, pode fazer contato através do email: bmxgaucho@hotmail.com e falar com Fabiano Garcia.